Faq da Claro:

A Claro possui diversos canais de atendimento e você pode escolher o que for mais fácil para você! Para informações, solicitações e reclamações, escolha uma das opções abaixo:

Use o Minha Claro 

Ligue 1052.

Utilize o canal interativo *1052#.

Envie um SMS com a palavra Claro para 1052.

Cliente Claro residencial (antigo NET)   pode contar com atendimento exclusivo pelo 0800 721 00 27.

Caso prefira, pode ir a uma loja Claro e conversar com um de nossos atendentes.

O CSP (Código de Seleção de Prestadora) da Claro é o 21. Este número é utilizado para selecionar a operadora em chamadas de longa distância.

Por exemplo, em uma chamada de outro estado para São Paulo, a discagem seria da seguinte forma:

0 + CSP + DDD + nº telefone (ex: 0 21 11 998765432)

Já para ligar para outro país, você precisa digitar:

00 + código da operadora (21) + código do país + código da cidade + número desejado. Exemplo: Para ligar para algum número de Orlando (EUA): 00 21 1 407 XXXXXXXXX

Você pode visualizar o registro de todas as ligações do seu celular pela Minha Claro. Após entrar na área logada, acesse “Faturas”, depois vá para “Minhas Faturas” e em seguida clique em “Fatura Detalhada”.

Você pode contratar o plano da Claro que melhor atende suas necessidades, ganhando internet, torpedos e chamada de voz para celulares Claro, dependendo da sua escolha.

Para ver as promoções e saber como contratar, acesse a página principal da Claro e vá para “Planos”.

Ao realizar uma ligação do seu Claro para outro celular Claro, você ouvirá um “bip” antes da chamada começar. Fique atento ao “bip” e saiba se está ligando para outro número Claro. Você pode fazer a consulta de número aqui.

Esta mensagem pode aparecer por três motivos:

Chip inserido incorretamente;
Problema de aprovisionamento do chip;
Aparelho não consegue fazer leitura do chip.

Se isso acontecer, faça alguns testes, como verificar se o Claro Chip foi inserido corretamente, checar se há danos ou sujeira, ou testá-lo em outro aparelho. Caso não normalize, entre em contato com a Central de Relacionamento pelo número 1052.

O custo de ligações de celular Claro para outras operadoras varia de acordo com o plano.

Você pode obter pacotes com franquias específicas e que melhor atendem suas necessidades. Clique aqui para conhecer as opções e contratar sua favorita.

Se você vai viajar para o exterior e deseja continuar utilizando seu celular, primeiramente é importante saber que a Claro trabalha em parceria com diversos países, mas é preciso confirmar se o seu destino possui cobertura de voz, dados ou 3G.

Você consegue obter essas informações e mais detalhes clicando nas opções abaixo:

Pré
Controle
Pós

Quando uma chamada for recebida no exterior, além da cobrança da operadora visitada, haverá também a cobrança da operadora brasileira de longa distância. Essa cobrança é feita pela Embratel e é chamada de Deslocamento Internacional.

E, antes de viajar, confirme se seu número já está com o serviço de roaming internacional habilitado. Isto pode ser feito pelo App Minha Claro.

Assinando o e-Conectados será cobrada a tarifa de R$ 3,99 (três reais e noventa e nove centavos) por semana.  Assinando pela primeira vez você ganha 7 dias grátis.

Caso o assinante não tenha créditos suficientes, o FORNECEDOR, por mera liberalidade, poderá efetuar a cobrança no valor de R$ 2,99 (dois reais e noventa e nove centavos), já incluso os tributos, e ainda poderá efetuar uma segunda cobrança, dentro da mesma semana, caso o cliente tenha créditos, no valor de R$ 0,99 (noventa e nove centavos).

Caso o participante não tenha créditos suficientes, na forma do item anterior e, por mera liberalidade da Promotora, poderá efetuar cobrança no valor de R$ 1,99 (um real e noventa e nove centavos), já incluso os tributos. Caso o cliente ainda tenha créditos, a promotora poderá efetuar novas cobranças de valores intermediários, de forma que a soma total destas cobranças nunca em hipótese alguma pode ultrapassar o valor de R$ 3,99 (três reais e noventa e nove centavos).

Confira a Loja da Claro!

Aproveite as ofertas imperdíveis de Smartphone

Posts Recentes

iPhone caiu na água: O que fazer?

São vários os imprevistos e acidentes que podem acontecer com seu celular, de forma que é importante saber como proceder caso algum deles ocorra como, por exemplo, o que fazer quando seu Iphone cair na água.

Infelizmente, essa ocorrência não é rara e é responsável por já ter levado diversos dispositivos à inutilidade, eis que deixaram de funcionar após o acidente uma vez que não foram tomadas as medidas que poderiam salvá-lo.

Portanto, confira nossas dicas do que fazer quando seu Iphone cair na água e se mantenha prevenido caso algum acidente desse tipo vir a ocorrer com seu dispositivo móvel.

Iphone

Não adianta ter um bom celular se a internet não acompanha o desempenho! Conheça a Claro e contrate a melhor internet do Brasil: https://clarocombomais.com.br/

Como salvar um Iphone que caiu na água?

Ninguém está a salvo de acidentes e essa regra pode ser aplicada, também, sobre objetos móveis como celulares.

Os acidentes mais comuns que podem ocorrer com celulares, aliás, envolvem queda ou líquidos. As quedas podem levar à quebra da tela ou mesmo de mecanismos internos do dispositivo móvel.

Por outro lado, os líquidos tendem a causar curto circuitos internos e comprometer para sempre o funcionamento do celular. Porém, existem algumas coisas que podem auxiliar a salvar o celular que tenha caído na água.

Portanto, caso seu celular tenha sofrido algum acidente em que ele entrou em contato com a água, não entre em pânico e siga nossas dicas abaixo que podem garantir a salvação do seu dispositivo.

Iphone

1.  Não ligue o aparelho molhado

Caso seu Iphone tenha sofrido um acidente no qual ele caiu na água, a primeira coisa a se fazer é evitar ligar o aparelho ainda molhado, pois isso pode ser fatal ao seu sistema. Assim, após retirá-lo da água o desligue imediatamente, caso ainda esteja ligado.

Lembre-se que quanto mais tempo o celular permanecer ligado logo após sua queda na água maior será a chance de avarias e, também, de que os prejuízos se tornem irreversíveis. Assim, evite curtos-circuitos e mantenha o dispositivo desligado.

2.  Retire os componentes do Iphone que caiu na água

Além de mantê-lo desligado é necessário, também, que locais que podem agir como acumuladores de água sejam imediatamente desligados para que não aumentem os riscos de curta do sistema do Iphone.

Assim, retire a capa do celular, se houver, assim como a película protetora da tela. Outro dispositivo que deve ser retirado para manter a segurança do celular é o chip. A bateria, por sua vez, é acoplada e irremovível, de forma que não há necessidade de levantar preocupações.

3.  Seque o exterior do celular com cuidado e atenção

Após, comece a secar o seu celular pela parte de fora dele. Para isso, além de passar inicialmente um pano seco pela extensão do dispositivo, vire-o com a tela para baixo e o balance diversas vezes.

Nesse momento, devem ser observadas entradas e saídas do dispositivo que, provavelmente, irão expelir água. Dessa forma, chacoalhe e seque o celular quantas vezes forem necessárias enquanto lugares como o encaixe USB continuarem vertendo líquido.

4.  Aposte no arroz

Provavelmente você já ouviu alguma história sobre o uso do arroz para absorver a umidade de eletrônicos, assim como de pessoas que já apostaram no grão para garantir a sobrevivência de seu aparelho celular.

Pois saiba que isso não se trata de uma lenda, pois realmente os grãos de arroz têm a capacidade de absorver água que está no local. Para utilizá-lo, basta colocar seu Iphone dentro de um pote com grãos crus do alimento.

Certifique-se de que toda a extensão do aparelho está mergulhada no arroz.

5.  Sílica gel também é um importante aliado na salvação do Iphone

Caso você tenha em mãos sílica em gel, produto que geralmente acompanha a compra de lentes de câmeras e de outros eletrodomésticos e eletrônicos sensíveis, coloque junto ao celular que foi mergulhado na água. Esse material, assim como o arroz, tem o poder de absorver o líquido.

6.  Aguarde

Outra coisa muito importante caso o seu celular tenha sofrido um acidente nesses moldes é ter paciência e aguardar, pois o aparelho necessita de tempo para expelir toda a água que acumulou.

Além disso, sequer cogite, em momento algum, ligar seu dispositivo durante o processo de recuperação. Portanto, deixe ele ao menos 48 horas dentro do arroz, assim como se certifique de que o aparelho foi desligado após o acidente, evitando curta-circuito e prejudicar o celular de forma irreversível.

7.  Teste seu celular

Após todas as ações feitas para recuperar seu Iphone após ele ter caído na água, chegou o momento de testá-lo e verificar se as atitudes tomadas foram suficientes para evitar que o celular se tornasse obsoleto ante seu não funcionamento.

Passadas 48 horas do acidente e das medidas de salvação do aparelho, é possível ligá-lo. O tempo de imersão do aparelho na água pode influenciar os danos causados a ele, se superficiais e resolvidos apenas com essas dicas ou não.